Trabalhadores Gráficos contra as reformas e a terceirização

695
Greve Geral

Os trabalhadores gráficos de Minas Gerais deram seu recado nesse 28 de abril, dia de Greve Geral no Brasil contra as reformas trabalhista e previdenciária e a terceirização. Em todo Estado os trabalhadores estiveram mobilizados para defender seus direitos e garantir que esse governo corrupto não estrague o futuro das próximas gerações.

Em Belo Horizonte as manifestações ocorreram no centro da cidade, bem como na região metropolitana. Em Contagem, na Gráfica Ready, 99% dos trabalhadores aderiram a paralisação e estão firmes na luta contra a retirada de direitos. Outras gráficas também atrasaram a entrada para o trabalho em até três horas.

No interior de Minas os trabalhadores também mostram sua força e saíram para as ruas, como é o caso de Governador Valadares, onde o STIG-MG possui uma sub-sede. Na região do Vale do Aço os trabalhadores também aderiram a manifestação e atrasaram a entrada para o trabalho em duas horas.

O Sindicato dos Gráficos de Minas Gerais continua nessa luta e convoca todos os trabalhadores para se manterem firmes e atentos aos novos chamamentos. Participe das mobilizações e atividades de seu sindicato.